Vale a pena morar com um amigo?

Morar com um amigo, será?  Essa é uma resposta bastante relativa, afinal pode ser muito bom ou extremamente ruim, dependerá do como vocês irão levar esse “relacionamento”. A amizade é um dos laços mais fortes e importantes na vida de um ser humano, porém a convivência cotidiana não é igual àquela que vocês se veem vez ou outra. A decisão de morar com um amigo (a) precisa levar em conta muito mais do que a amizade, é essencial uma análise do todo. Esse “todo” inclui regras, privacidade, respeito, personalidade, empatia… e, entre tantas coisas, dinheiro!

Sair de casa, começar uma nova vida, pode ser uma oportunidade de maturidade e crescimento importante, porém se o plano é ter alguém para dividir as contas, atente-se ao “por que” você pretende convidar “tal” pessoa para fazer essa divisão contigo. Apenas por ser alguém que está disposto (a) a pagar contas não é o suficiente. Alguns pontos não tão legais fazem parte da rotina, como limpeza, ir ao mercado, lavar roupas…. enfim, a vida cotidiana requer uma parceria proativa para que ambos possam viver bem e ainda conciliar os afazeres de casa com o restante da rotina.

 

Vantagens de dividir a moradia
  • Economia

A economia é uma das principais características de uma boa convivência a dois, seja num relacionamento ou amizade. Ter uma ou mais pessoas para auxiliar nos pagamentos das contas é um ponto chave para uma “parceria” bem sucedida.

 

  • Convívio Social

Apesar de você já conhecer a pessoa, o convívio diário irá lhe ensinar a conviver com mais empatia, afinal vocês estarão vivendo com pessoas novas, com criações, crenças e hábitos diferentes. E ter um amigo por perto é certeza de conselhos e desabafos garantidos.

 

  • Divisão de tarefas

Nem tudo são “flores”. Diversão, liberdade, amadurecimento fazem parte do pacote, porém a vida de “donos de casa” passará a existir com mais intensidade. Então, quando escolher seu parceiro, lembre-se que tarefas domésticas também precisam ser divididas. Se “rolar” uma boa parceria, este é um dos pontos positivos de se ter um companheiro (a) por perto.

 

Desvantagens de dividir a moradia
  • Falta de privacidade

Morar com alguém tem suas consequências, como perder parte da privacidade. Andar à vontade pela casa, chamar outras pessoas…. Enfim, o seu “espaço” terá que respeitar o limite do outro.

 

  • Criação de regras

Regras são essenciais para uma boa convivência. Viver junto com alguém requer “moldar” alguns hábitos e colocar limites em determinadas ações.

 

  • Decisões coletivas

Não é porque você mora com um amigo que ele pensa exatamente igual a você. Morar com alguém requer que todas as decisões da casa sejam coletivas. Talvez este seja o ponto mais complexo, porém nada que com um pouco de empatia não dê para resolver.

 

Estes são apenas alguns alertas sobre morar com amigos. Como dito anteriormente, as vantagens e desvantagens são relativas. Então, na hora de iniciar suas pesquisas sobre pessoas para viver contigo, pense um pouco além do coração, afinal é o seu lar, local que você precisa ter conforto e tranquilidade. Busque pessoas que se encaixe com a sua personalidade.

Fica com a gente. Tem mais dica em nosso blog.

Compartilhe:

uniterras Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *